Sete dias da semana sem medo da notícia

Tasso afirma que no Ceará “estão tapando” todos espaços para a crítica ao governo
O ex-governador e senador participou do movimento "Renasce", que propõe reabrir espaços democráticos na política cearense para a crítica e a oposição.

Tasso esteve ao lado de várias lideranças políticas, como o deputado federal Genecias Noronha

query_builder

Hoje está se perdendo o espaço que a democracia conquistou. Aqui no Ceará, estão tapando todos os espaços para a oposição, para a discussão e para a crítica. A crítica e a oposição são fundamentais para um governo bom”.

A declaração foi feita, nessa sexta-feira (2), pelo ex-governador e senador Tasso Jereissati (PSDB) em entrevista coletiva durante o lançamento do movimento Renasce. Ele criticou o que considera “falta de espaço” no cenário atual da política cearense para a oposição e para a crítica construtiva ao governo, sem receio ou medo de represálias.

“Devido à inércia da classe política e da sociedade, aqui se abafaram todos os espaços para a crítica. Então, é muito bom que tenha surgido esse movimento, o Renasce, porque ele procura reconquistar esses espaços democráticos, sem temer nenhum tipo de retaliação, sem receios, para se falar  que quer e, portanto, fazer as críticas que o estado está precisando”.

Medo e terror

Segundo Tasso, o PMDB ainda não se definiu quanto a futuras candidaturas para as próximas eleições. “Não há nada definido. Estamos conversando com todas as correntes que querem esse espaço, que querem criticar livremente, e daí, até fim do mês de março, se tomará uma decisão”.

O ex-governador aproveitou o momento para falar da crise na Segurança Pública no Brasil e, especialmente, no Ceará. “A Segurança virou uma situação em que todas as famílias, seja da classe alta, da média ou da baixa, estão vivendo em um clima de medo e de terror constante”.

Confira algumas fotos