Sete dias da semana sem medo da notícia

Procurador de Tauá ostenta carros importados e mansões com salário bruto de R$ 5 mil
Solano Mota é o mesmo que foi à Câmara Municipal cobrar ser chamado de "vossa excelência", pois era a única coisa que ganhava no cargo


query_builder

O procurador-geral de Tauá, Solano Mota, ostenta uma vida luxuosa nas redes sociais, com direito a carros importados, mansões na beira da praia e fazendas. Tudo sem explicar como consegue manter os luxos milionários com o salário bruto de R$ 5 mil que recebe no cargo.

Na última segunda-feira (26), Solano Mota foi à Câmara de Tauá cobrar, dos vereadores, ser chamado de “vossa excelência” nos ofícios enviados a ele, pronome mais adequado ao seu pomposo estilo de vida. “Eu queria ser chamado de vossa excelência, porque a única coisa que eu estou ganhando nesse cargo é isso”, afirmou o procurador, na ocasião.

No entanto, ao ser informado pela vereadora Fátima Veloso sobre a tramitação de um projeto no Senado que extingue o tratamento de “vossa excelência”, ficou deveras irritado e passou a insultar a parlamentar, ainda usando a tribuna da Câmara, em uma clara demonstração de comportamento inadequado a uma “excelência”, deixando o local imediatamente após os insultos.

Nota de desagravo

 

A Câmara de Tauá divulgou, ainda na terça-feira, uma nota em apoio à vereadora Fátima Veloso, devido às agressões “levianas” “Impróprias e covardes” por parte do procurador Solano Mota.

Confira a nota:

Confira os itens da luxuosa vida de Solano Mota: