Sete dias da semana sem medo da notícia

Policiais do Raio matam seis pessoas em confrontos armados nas últimas 48 horas
Na madrugada deste sábado, três homens foram mortos numa troca de tiros com policiais do BPRaio na zona rural de Morada Nova. Outros três casos ocorreram nos Municípios de Aquiraz, Canindé e Quixeramobim
Três armas de fogo foram localizadas com os bandidos mortos pela PM em Morada Nova
Por: Fernando Ribeiro
07/07 11:30

Seis pessoas suspeitas de envolvimento em crimes como assalto, tráfico de drogas e seqüestro, foram mortas nas últimas 48 horas no Ceará por  policiais militares do Batalhão de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio)  em confrontos ocorridos no Interior e na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

A sequência de mortes teve início na tarde de quinta-feira (5), na localidade de Fazenda Riacho do Garrote, na zona rural do Município de Canindé (a 97Km de Fortaleza), onde um bandido morreu numa troca de tiros com uma patrulha do BPRaio durante um cerco. O morto foi identificado como Ezequiel Serafim leitão, 50 anos, conhecido por “Kel”.

Na sexta-feira (6), por volta de 10h40, policiais do BPRaio trocaram tiros com um adolescente em uma residência na localidade Jenipapeiro, em Aquiraz, na Região Metropolitana de Fortaleza. O menor, identificado como Matias Sousa Lima, 16 anos, sofreu vários tiros e morreu no hospital. Com ele a Polícia apreendeu uma arma e várias drogas.

Também na manhã de sexta-feira, em mais uma ocorrência de confronto, policiais do BPRaio mataram um homem no Conjunto Habitacional Jardim Norte I, na periferia da cidade de Quixeramobim (a 201Km de Fortaleza). Os PMs revidaram ao serem recebidos à bala por três bandidos após uma denúncia anônima sobre tráfico de drogas. O homem baleado e morto foi identificado como Daniel Pinto de Freitas, 32 anos.

Mais mortes

Já na madrugada deste sábado (7), três homens morreram numa troca de tiros com policiais militares na zona rural do Município de Morada Nova (a 163Km de Fortaleza). Os corpos se encontram ainda no necrotério do Hospital Municipal e deverão ser encaminhados ao Núcleo da Perícia Forense da cidade de Russas. Os três mortos não foram ainda identificados. A Polícia apreendeu com os suspeitos três revólveres.

 



*Publicidade

Publicidade


Leia Também

Links Patrocinados