SETE DIAS DA SEMANA SEM MEDO DA NOTÍCIA!

04/01/2017 17:08Hs

CMFor

Acrísio usa cenário político nacional para se manter na base do prefeito e isola Guilherme Sampaio na Câmara

Vereador se negou a seguir orientação do PT Fortaleza e defendeu aproximação com PDT.

Acrísio usa cenário político nacional para se manter na base do prefeito e isola Guilherme Sampaio na Câmara

O vereador Acrísio Sena (PT) se negou, na noite da terça-feira (3), a seguir a orientação do PT Fortaleza e usou o cenário político nacional para defender uma aproximação entre o partido e PDT, do prefeito Roberto Cláudio, na Capital cearense.

Através das redes sociais, Acrísio afirmou que não existe "qualquer possib ilidade de pertencer a um bloco cuja composição de partidos (PSDB, PR e PMDB) dá sustenção". Com a bancada reduzida a dois vereadores em Fortaleza, a decisão de Acrísio deixa o correligionário Guilherme Sampaio, que aceitou ir para a oposição, isolado na Câmara Municipal.

Confira o conteúdo publicado por Acrísio na íntegra:

"Diante do anúncio de que o vereador Plácido Filho (PSDB) será o líder da oposição na Câmara Municipal de Fortaleza, comunico que não existe, da minha parte, qualquer possibilidade de pertencer a um bloco cuja composição de partidos (PSDB, PR e PMDB) dá sustentação ao governo golpista de Michel Temer e, no Ceará, desenvolve uma ferrenha e sistemática oposição ao governador Camilo Santana (PT).

Respeito qualquer proposta ou decisão tomada pelo meu partido no sentido de se colocar em oposição ao Prefeito Roberto Cláudio. No entanto, não reforçarei nenhuma proposta que jogue o PT no isolamento político, principalmente diante do difícil cenário que vislumbramos para 2018. Em nível nacional, PDT, PCdoB e PT, somam hoje as únicas forças partidárias que resistem ao neoliberalismo. No âmbito do estado, estamos aliados na sustentação do governo Camilo Santana. Então, por qual motivo não podemos estabelecer um diálogo franco com o PDT em Fortaleza? Essa é uma questão que precisa ser encarada com responsabilidade".