Sete dias da semana sem medo da notícia

Mulher morre em hospital de Crateús com diagnóstico de gripe H1N1
Ela esperava uma vaga em uma UTI em Sobral, mas não resistiu aos sintomas
06/05 13:48

O Hospital São Lucas, de Crateús, registrou, no último final de semana, a morte de uma mulher de aproximadamente 60 anos diagosticada com a gripe H1N1. Outras duas pessoas com sintomas da doença seguem sob observação no município.

Segundo o diretor do hospital, Marcos Granemann, a mulher esperava uma vaga na UTI em Sobral, mas não resistiu aos sintomas da doença. Ao todo, em 2018, forma 51 mortes provocadas pela doença.

 

Com informações do blog do Lenno Barbosa



*Publicidade

Publicidade


Leia Também

Links Patrocinados