Sete dias da semana sem medo da notícia

Ministério Público estuda pedido de afastamento imediato do prefeito de Uruburetama
Dr. Hilson, que também é médico ginecologista, é acusado de abuso sexual, estupro e pedofilia em consultórios públicos e privados do Município
Prefeito de Uruburetama, Dr. Hilson
28/03 10:58

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) estuda pedido de afastamento imediato do prefeito de Uruburetama, Dr. Hilson. Ele é acusado de abuso sexual, estupro e pedofilia. O gestor, que também é médico ginecologista, praticava os crimes em consultórios públicos e privados, segundo as vítimas.

O Ceará News 7 soube nesta quarta-feira (28) que o MPCE já ouviu as mulheres assediadas e o prefeito. A população torce que, além de afastado, ele seja preso imediatamente.

Em tempo

O governador Camilo Santana está ciente do caso e mandou informar que não vai passar a mão na cabeça de nenhum criminoso, mesmo que o crápula se diga seu aliado.

A mensagem de Camilo é em reposta a Dr. Hilson. O prefeito anda propagando que, por fazer parte da base de governo de Camilo, acredita que terá uma ajuda para acobertar suas monstruosidades.

O governador foi enfático em dizer que isso não acontecerá e até repreendeu o secretário de Segurança, André Costa, por ter recebido uma vereadora de Uruburetama, a Teté, que pedia a investigação imediata das mulheres que denunciaram Dr. Hilson. Ela alega que tudo não passa de intriga da oposição.



*Publicidade

Publicidade


Leia Também

Links Patrocinados