Crise no Rio deve arrastar mais um órgão ligado a Picciani

query_builder

Após revelado esquema de corrupção no TCE do Rio de Janeiro e do presidente da Assembleia Legislativa do Rio, Jorge Picciani ser preso junto com outros dois deputados do PMDB carioca, o próximo órgão a implodir no estado deve ser a Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários, Ferroviários e Metroviários e de Rodovias do Rio (Agetransp).

Os cinco conselheiros da agência são aliados de Jorge Picciani e Paulo Melo – também alvo de prisão. Os dois parlamentares, juntamente com Sérgio Cabral, tinham grande ingerência sobre a Agetransp.