Sete dias da semana sem medo da notícia

Lula lidera em todos os cenários de primeiro e segundo turno; Ciro segue estagnado
Mesmo sem o petista, a campanha do pedetista alcança apenas, no melhor cenário, 9%. Bolsonaro lidera primeiro turno, na ausência do ex-presidente
Lula
06/03 14:56

O ex-presidente Lula (PT), mesmo condenado em segunda instância na Lava Jato no caso do tríplex, continua liderando em todos os cenários as intenções de voto para o Planalto, com 33,4%, segundo pesquisa do Instituto MDA divulgada nesta terça-feira (6). Já nos cenários sem o petista, a liderança fica com o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC).

Os números são um balde de água fria na campanha do presidenciável Ciro Gomes (PDT), que, na ausência de Lula, alcança, no melhor cenário, 9% das intenções de voto, atrás da ex-ministra Marina Silva (Rede) e até mesmo do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. Os esforços de Ciro seguem infrutíferos.

Segundo turno

Nos 14 cenários de segundo turno realizados pela pesquisa, Lula segue vencendo todos nos quais participa. Bolsonaro perderia a disputa contra o petista por 44,1% a 25,8% das intenções de voto, mas venceria contra Alckmin e Marina Silva, com 26,7% a 24,3%, e 27,7% a 26,6%, respectivamente.

Temer e Rodrigo Maia, como era de se esperar, perderiam em todos os cenários para segundo turno.

Situação complicada para o PT

Apesar dos fortes números de Lula, que também é o candidato com a menor rejeição, o PT está tendo grande dificuldade para encontrar seu “Plano B”. Os dois nomes que estavam sendo estudados, Jacques Wagner e Fernando Haddad, não emplacam. Jacques, inclusive, já está fora da disputa após ter sua casa como alvo de mandados da Polícia Federal, na operação Cartão Vermelho.

Confira os números:

Cenário com Lula e Temer

Lula – 33,4% Jair Bolsonaro (PSC) – 16,8%
Marina Silva (Rede) – 7,8%
Geraldo Alckmin (PSDB) – 6,4%
Ciro Gomes (PDT) – 4,3%
Álvaro Dias (Podemos) – 3,3%
Fernando Collor (PTC) – 1,2%
Michel Temer (MDB) – 0,9%
Manuela D`Ávila (PCdoB) – 0,7%
Rodrigo Maia (DEM) – 0,6%
Brancos e nulos somam 18,2%. Indecisos ficam em 6,4%.

Cenário sem Lula e com Haddad

Jair Bolsonaro (PSC) – 20%
Marina Silva (Rede) – 12,8%
Geraldo Alckmin (PSDB) – 8,6%
Ciro Gomes (PDT) – 8,1%
Álvaro Dias (Podemos) – 4%
Fernando Haddad (PT) – 2,3%
Fernando Collor (PTC) – 2,1%
Manuela D`Ávila (PCdoB) – 1,3%
Michel Temer (MDB) – 1,3%
Rodrigo Maia (DEM) – 0,8%
Brancos e nulos somam 28,2%. Indecisos ficam em 10,5%

Cenário sem Lula e Temer

Jair Bolsonaro (PSC) – 20,2%
Marina Silva (Rede) – 13,4%
Geraldo Alckmin (PSDB) – 8,7%
Ciro Gomes (PDT) – 8,1%
Álvaro Dias (Podemos) – 4,1%
Fernando Haddad (PT) – 2,4%
Fernando Collor (PTC) – 2,2%
Manuela D’Ávilla (PCdoB) – 1,4%
Rodrigo Maia (DEM) – 1%
Brancos e nulos somam 28,4%. Indecisos ficam em 10,1%.

Cenário sem Lula e Alckmin, mas com Temer

Jair Bolsonaro (PSC) – 20,9%
Marina Silva (Rede) – 13,9%
Ciro Gomes (PDT) – 9%
Álvaro Dias (Podemos) – 4,7%
Fernando Haddad (PT) – 2,9%
Fernando Collor (PTC) – 2,1%
Manuela D`Ávila (PCdoB) – 1,7%
Rodrigo Maia (DEM) – 1,4%
Michel Temer (MDB) – 1,3%
Brancos e nulos somam 30,5%. Indecisos ficam em 11,6%.

Rejeição aos candidatos

Relação dos candidatos em que os entrevistados não votariam de jeito nenhum:
Michel Temer (MDB) – 88%
Rodrigo Maia (DEM) – 55,8%
Marina Silva (Rede) – 53,9%
Geraldo Alckmin (PSDB) – 50,7%
Jair Bolsonaro (PSC) – 50,4%
Ciro Gomes (PDT) – 47,8%
Lula (PT) – 46,7%.

A pesquisa CNT/MDA entrevistou 2002 pessoas entre 28 de fevereiro e 3 de março em 137 municípios de 25 unidades federativas do Brasil. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, com 95% de nível de confiança. O levantamento está registrado no TSe como BR-06600/2018



*Publicidade

Publicidade


Leia Também

Links Patrocinados