Sete dias da semana sem medo da notícia

Cid fez lobby para Marquise entrar no “Tatu Tênis Clube” nas obras do metrô no Ceará
Empresa de José Carlos Pontes foi admitida no cartel por pedido do ex-governador, segundo matéria da Folha de S. Paulo
Cid e Ciro
20/12 12:34

O ex-governador Cid Gomes (PDT) e a Marquise — de José Carlos Pontes — estão cada vez mais enrolados com a o cartel “Tatu Tênis Clube”, denunciado pela empreiteira Camargo Corrêa na Lava Jato. Segundo matéria da Folha de S. Paulo desta quarta-feira (20), a empresa cearense entrou no consórcio para as obra do metrô do Ceará por pedido de Cid.

“Em e-mails entregues pela Camargo, há referências a conversas com ‘o governador’, provável referência a Cid Gomes (PDT), que governou o Ceará de 2007 a 2015”, informa o jornal.

Entenda

No Ceará, a Marquise, com bom trânsito no Governo Cid, era procurada pelas grandes empreiteiras para combinar valores (no caso das licitações, para só ganhar quem estivesse no grupo) e dividir os lucros.

As informações iniciais foram passadas pela Camargo Corrêa em um acordo de leniência com o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Confira trecho da matéria da Folha de S. Paulo



*Publicidade

Publicidade


Leia Também

Links Patrocinados