Sete dias da semana sem medo da notícia

Cid afirma que mantém padrão de vida milionário com renda de R$ 20,9 mil de galpão
Ex-governador ainda tentou passar a culpa pelo empréstimo irregular no BNB para seu ex-assessor Ricardo Sérgio Farias

Galpão construído pelo ex-governador Cid Gomes alugado à cervejaria Itaipava

query_builder

O ex-governador Cid Gomes (PDT) afirmou, nesta sexta-feira (12), que banca seu padrão de vida milionário apenas com o aluguel do seu galpão em Sobral à Cervejaria Itaipava, que rende R$ 22 mil. Desse valor, R$ 1.100 ainda seriam de seu sócio no negócio, seu ex-assessor Ricardo Sérgio Farias, que detém 5% do negócio, enquanto Cid é dono dos 95% restantes.

Segundo Cid, com R$ 20.9 mil, ele consegue manter o estilo de vida milionário, com viagens aos Estados Unidos e Europa, manter os filhos, pagar pensão à ex-mulher e ainda construir um residencial de luxo, desmatando 15 mil m² de Área de Proteção Ambiental (APA) da Serra da Meruoca.

Ainda sobra uma ponta para pagar os advogados nos dois processos que responde sob acusação de usar o cargo de governador, em 2014, para tomar empréstimo irregular de R$ 1.3 milhão junto ao Banco do Nordeste (BNB) com juros abaixo dos praticados no mercado. Cid já é réu na Justiça Federal no caso.

O dinheiro foi usado para construir o mesmo galpão, em Sobral, alugado à Itaipava, que pertenceu à Cervejaria Petrópolis, empresa acusada na Lava Jato de atuar como laranja da Odebrecht, fazendo repasses de propina a políticos no Brasil, sendo ressarcida pela construtora em contas no exterior.

Confira a entrevista na íntegra: